Coro Vivace e Centro Social comemoram 10 e 30 anos respetivamente na Casa das Artes

16 de maio de 2015
10.º Aniversário do Coro Vivace Música da AML e 30.º Aniversário do Centro Social das Lameiras serão assinalados no dia 24 de maio, pelas 15,30 horas na Casa das Artes. Entrada gratuita, com bilhete.
Associação de Moradores das Lameiras assinala mais dois aniversários, na Casa das Artes, no próximo dia 24 de Maio:10.º Aniversário do Coro Vivace Música da AML e 30.º Aniversário do Centro Social das Lameiras.
Com o objetivo de assinalar de forma condigna os 10 anos do Coro Vivace Música da Associação de Moradores das Lameiras e os 30 anos do Centro Social das Lameiras, esta Associação está a promover uma série de iniciativas que marcarão estas efemérides relacionadas com a ação que as duas organizações desenvolvem em prol da Cultura, Educação e a Ação Social.
Assim, no próximo dia 24 de Maio (Domingo), pelas 15:30 horas, no grande auditório da Casa das Artes, em Vila Nova de Famalicão, com entrada gratuita, realizar-se-á um magnífico Concerto de MÚSICA CORAL, em parceria com o Pelouro da Cultura da Câmara Municipal de Vila Nova de Famalicão e a Casa das Artes, comemorativo do 10º aniversário do “Coro Vivace Música” da AML e do 30º aniversário do Centro Social das Lameiras. No espetáculo atuarão como convidados, os coros: “Coral da Didáxis”, V.N. Famalicão; “Grupo Coral de Areias de Vilar”, Barcelos; “Coro Capela Marta”, Póvoa de Varzim; “Grupo Coral da Escola Secundária Rocha Peixoto, Póvoa de Varzim; “Coro de Câmara de Barcelos” e, por último, o coro anfitrião “Coro Vivace Música” da AML, V.N. Famalicão. O Coro Vivace Música foi integrado oficialmente na Associação de Moradores das Lameiras há sete anos, embora criação tenha acontecido há precisamente dez anos. É constituído por pessoas de todo o Concelho de Vila Nova de Famalicão e tem como objetivo principal a divulgação de repertório erudito e popular. Representa a Secção Cultural desta Associação, percorrendo o país em diversas iniciativas culturais, sempre que é convidado e, anima eventos relacionados com o Plano de Atividades da Associação de Moradores das Lameiras na sua vertente social, educativa, cultural e também religiosa.
O Centro Social das Lameiras nasceu de forma organizada no dia 25 de maio de 1985, no rés-do-chão de dois blocos habitacionais do Edifício das Lameiras (lado nascente), cedidos para o efeito, pelo proprietário da altura daquele grande aglomerado habitacional, o ex-FFH – Fundo de Fomento da Habitação, na altura gerido no concelho de Vila Nova de Famalicão pela respetiva Câmara Municipal. Ali funcionou de forma precária durante dezoito anos. Em finais de 1999 foram iniciadas as obras de construção de uma nova estrutura, nos terrenos sobrantes a norte do Edifício das Lameiras, confinados ao gaveto das avenidas Humberto Delgado e do Brasil. Em 2003 foram inauguradas pelo presidente da República da altura, Dr. Jorge Sampaio, as atuais instalações que funcionam num moderno Edifício, com as respostas sociais, certificadas de Creche e berçário para 83 crianças, pré-escolar com três salas para 75 crianças, CATL e CEAJ para 121 crianças, Lar de idosos para 35 utentes, Centro de Dia para Idosos com 30 utentes e os Serviços de Apoio Domiciliário com 40 utentes. Fora deste Espaço funcionam ainda a Casa Abrigo e o Centro de Emergência para mulheres e crianças vítimas de violência doméstica e os Gabinetes de Atendimento e Acompanhamento Social de apoio às freguesias de Antas e Calendário.

A Direção

Adicionar comentário

Subscrever newsletter

As novidades da AML na sua caixa de correio.



BoletimBoletim cultural e informativo

Ler online »