“João (Re)Faz a Diferença”

23 de outubro de 2015
Crianças e jovens da Associação de Moradores das Lameiras autores do livro infantil “João (Re)Faz a Diferença”, apresentado no Dia Internacional para a Erradicação da Pobreza no Museu D. Diogo de Sousa em Braga, edição da EAPN Portugal/Núcleo Distrital de Braga.
Realizou-se no passado dia 17 de Outubro, Dia Internacional para a Erradicação da Pobreza, a sessão de apresentação do livro infantil “João (Re)Faz a Diferença”, uma história construída por diversos grupos de crianças e jovens, integrados em sete Instituições do distrito de Braga. Esta apresentação teve lugar no Auditório do Museu D. Diogo de Sousa, que esteve lotado com a presença de cerca de 80 pessoas.
Tratou-se de uma iniciativa de um conjunto de instituições: ACAPO – Delegação de Braga, Associação de Fomento Amarense, Associação Gerações, Associação de Moradores das Lameiras, Centro Cultural e Social de Santo Adrião (Projeto T3tris, no âmbito do Programa Escolhas), Centro Social e Paroquial de Santa Eulália, Fundação Bomfim e EAPN Portugal/ Núcleo Distrital de Braga, contando, ainda, com o apoio do Museu D. Diogo de Sousa. Com este trabalho, foi possível promover competências e valores associados à cidadania, bem como estimular a leitura e a escrita junto das crianças abrangidas, procurando apelar a valores de ética, à não discriminação, à rejeição de comportamentos negativos e discriminatórios, retratando atitudes e a forma como interagimos na sociedade.
 A apresentação contou com a presença das crianças e jovens, dos pais e de outros familiares, dos profissionais envolvidos e comunidade em geral. A história foi apresentada através de leitura animada, por parte de um grupo de crianças. Houve ainda a visualização de um curto vídeo que ilustrou o trabalho realizado ao longo de seis meses e, no final, teve lugar a distribuição da publicação e de um diploma aos autores(as), que no caso específico da Associação de Moradores das Lameiras, através da sua Animateca, foram Andreia Teixeira, Sara Teixeira, Miguel Ângelo Monteiro e Gabriela Ferreira Monteiro.
A Associação de Moradores das Lameiras irá, em breve, disponibilizar no seu site da internet o livro em suporte digital para que todos tenham acesso a este trabalho de grupo, levado a cabo por várias instituições e suas crianças e jovens.

Adicionar comentário

Subscrever newsletter

As novidades da AML na sua caixa de correio.



BoletimBoletim cultural e informativo

Ler online »