Lameiras recebeu prémio CCD 2018 da INATEL

25 de janeiro de 2019
A Associação de Moradores das Lameiras, através do seu presidente Jorge Faria, recebeu das mãos do presidente da Fundação INATEL Francisco Madelino, no passado dia 22 de janeiro, em Lisboa, no Teatro da Trindade, o prémio CCD – Centro de Cultura e Desporto 2018, da Fundação INATEL. 
Este prémio foi atribuido, pelo seu empenho na mobilização dos jovens no projeto "Traço", da Casa ao Lado, que teve como consequência a pintura artística das quatro torres do Edifício das Lameiras, com figuras relevantes do concelho de Vila Nova de Famalicão.
 
O prémio foi atribuido no decorrer da Gala Reconhecer, apresentada por José Carlos Malato da RTP, que teve por objetivo revelar o trabalho desenvolvido na área da intervenção social e sustentabilidade. Nesta gala, a Fundação INATEL acarinhou e valorizou pessoas e entidades coletivas que se destacaram com projetos que servem o bem-comum.
 
Os prémios CCD de 2018 contemplaram as seguintes instituições:
Associação de Moradores das Lameiras. Concelho: Vila Nova de Famalicão
Casa do Povo de Vila Franca do Campo. São Miguel / Açores
Orfeão de Leiria | Conservatório de Artes. Concelho: LeiriaA Associação de Moradores das Lameiras, pela sua localização privilegiada: entre o núcleo urbano e o parque da Devesa, com a nova confuguração artística tem-se afirmado como um novo cartão-de-visita turística com impactos para o desenvolvimento local. A relevância aumenta por se tratar de um polo habitacional cujos residentes se destacam pelas suas características socioeconómicas específicas, nomeadamente no que respeita aos riscos de exclusão social. Nesta prspetiva, este empreendimento tornou-se um local de intervenção apropriado à execução dos objetivos contidos no projeto premiado.
 
Para tal, muito tem contribuido o trabalho conjunto entre a AML e o Municipio de Famalicão nos últimos 15 anos, a celebrar em maio de 2019, fruto de um acordo de colaboração para a gestão e promoção do complexo habitacional: quer do edificado, quer do relacionamento interpessoal.
 
Jorge Faria deslocou-se a Lisboa na companhia do diretor dos serviços da ação social da AML Ricardo Ribeiro, para participar na Gala Acompanhar. Aquando da entrega do prémio o presidente da AML enalteceu o trabalho desenvolvido pela Fundação Inatel, sempre atenta aos seus filiados. Para Jorge Faria, este é um motivo de orgulho para todos: associação, moradores, utentes, associados, a própria Câmara de Famalicão e amigos da AML, para continuar o bom trabalho que tem vindo a desenvolver desde a sua fundação em 1984.

Adicionar comentário

Subscrever newsletter

As novidades da AML na sua caixa de correio.



BoletimBoletim cultural e informativo

Ler online »